COISAS QUE EU DIRIA A MIM MESMA SE PUDESSE VOLTAR A ANTES DE TER A SARA

Andando pela internet, acabei achando um vídeo tão real sobre a maternidade, parte de uma campanha da Nummies (que vende sutiãs de amamentação super legais) realizada pela Unmarketing. Deu vontade de pensar sobre o que eu mesma me diria.

Não tenha medo do parto – ele será rápido e indolor. Tenha medo da cicatrização da episiotomia.

Parto induzido não é a mesma coisa que parto normal. Aquele sorinho milagroso vai te fazer sentir mais dor.

Você não vai se apaixonar imediatamente pelo seu bebê. Tenha calma, é normal. As pessoas precisam se conhecer para se gostarem.

O (seu) choro vai te acompanhar pelos primeiros meses. Você vai chorar de exaustão, de depressão, de dor, de alegria e de nostalgia da sua vida. Outras mães choram também.

Se você disser ao mundo que prefere poucas visitas, as pessoas entenderão nenhuma visita.

As pessoas que você imaginava mais próximas se afastarão. Outras amizades aparecerão.

Algumas das suas melhores amigas não a visitarão e você ficará perplexa. Tudo bem, cada um tem a sua vida.

Você nunca terá tanto assunto para falar com a sua mãe.

Amamentar dói no início. Tome o tal banho de sol que te mandaram, mesmo que esteja tão quente que você tenha vontade de se jogar dentro de uma piscina de gelo.

Quando ela chorar, ofereça o peito. Não importa há quantas horas mamou, se está com sono ou com a fralda molhada. Ofereça o mais completo e poderoso calmante natural que existe.

Aprenda a dormir durante o dia, talvez a mais importante capacidade que você tem que ter.

Dê de mamar deitada, o quanto puder. Descanse, cuide-se.

Quando só a sua mãe conseguir acalmar o bebê, não se sinta derrotada. Você é a melhor pacificadora da Sara, é só encontrar o seu jeito.

Aceite ajuda.

Peça ajuda.

Quando a sua mãe for embora, não se apavore. Vai dar tudo certo.

Você será a primeira pessoa que verá o sorriso dela.

Também será uma das únicas que a verá rolar na cama.

Será a que a faz dar gargalhada só de olhar pra ela.

Cocô de bebê tem cheiro de amêndoas no início.

Depois fica azedo.

Você nem vai abrir o computador no primeiro mês.

Aprenda a ficar sozinha em casa.

Você se sentirá realizada apenas de ter conseguido fazer um bolo à tarde.  E isso É uma realização importante.

Em breve, a pessoa mais importante da sua vida vai deixar de ser o seu marido. A sua melhor companhia também passará a ter menos de 1m.

Transe bastante antes de o bebê chegar.

Levará um tempo para vocês dois encontrarem um novo jeito de se amarem. Você e o seu marido.

Ela terá o seu cabelo.

Ela se acalmará na sala de parto apenas de ouvir a sua voz.

As pessoas lhe pararão na rua para dizer-lhe o quanto ela é linda e você nem olhará para os outros bebês.

 

ps.: o vídeo também pode ser visto aqui.

Quer ganhar um ebook incrível com as ferramentas de desenvolvimento pessoal que usamos nas viagens?

Assine a nossa newsletter e receba por e-mail: o ebook é gratuito e está cheio de fotos inéditas!

Sem spam. Só coisa boa.

Um comentário sobre “COISAS QUE EU DIRIA A MIM MESMA SE PUDESSE VOLTAR A ANTES DE TER A SARA

      1. Oi, Elane… a ajuda é fundamental. Espero que hoje você esteja bem e, se precisar, estamos aqui para trocar figurinhas, bater papo, chorar juntas, dar risada… fique por perto, aqui tem acolhimento, respeito e entendimento.

  1. CRIS! TB SOU MAMÃE AGORA, MEU MATHEUS TEM 22 DIAS HOJE.FOI MUITO BOM LER TUDO ISSO E VER QUE NÃO SOU A ÚNICA QUE CHORA E SE DESESPERA QDO O BB CHORA DE CÓLICAS E NADA O FAZ PARAR DE CHORAR…BOM SABER TB QUE NÃO SOU A ÚNICA QUE SE SENTE EXAUSTA COM AS VISITAS E ATÉ PREFERIA NÃO TE-LAS!!! HOJE COM 22 DIAS ME SINTO UM POUCO MAIS FORTE PARA CUIDAR DELE E EU E ELE JA ESTAMOS NOS CONHECENDO E AS COISAS ESTÃO COMEÇANDO A SE AJEITAR…SÓ AGORA QUE ESTA PEGANDO BEM MEU PEITO E ESTÁ PARANDO DE DOER…
    E QUANTO A ELE SE TORNAR A PESSOA MAIS ESPECIAL DA MINHA VIDA…NÃO TINHA DÚVIDAS, JÁ SE TORNOU DESDE O MEU VENTRE!!!SER MÃE É MARAVILHOSO NÉ AMIGA….UMA BENÇÃO DE DEUS PARA NÓS!!!
    BJOS !

    1. Oi, Lili!!! eu vi que vc foi mãe, estava acompanhando a sua gravidez via o bendito Facebook! Parabéns! Para mim também levou tempo até que parou de doer o peito, e o pior é que às vezes ela me morde ou pega errado e volta a doer, mas passa. Amamentar é tudo de bom, faz bem para a mãe, para o bebê e para a sociedade (os bebês amamentados no peito tem menor tendência à obesidade e são mais calmos e sadios, por exemplo). Não se preocupe – agora a situação parece desesperadora, mas logo se acalma. Durma o quanto puder, durma, durma, durma – estar descansada nesta hora é difícil, mas necessário. Um beijão e boa sorte com o seu Matheus!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *