brincadeiras aniversário em vcasa montanha tussa bexiga menino menina crianças

BRINCADEIRAS PARA CRIANÇAS NUM ANIVERSÁRIO EM CASA

Este é um texto escrito por uma convidada de honra aqui do Cuore Curioso: a Juliane Dias Gonçalves, mãe do Hilton, diretora de relacionamento da Flavorfood e editora-chefe do site Food Safety Brazil. A Juliane é uma mãe moderna, que trabalha, mas espera que seu filho tenha uma infância rica e feliz, com presença e sem excessos. Ela contribui com alguma frequência aqui no blog, geralmente falando sobre maternidade. Se lhe interessa uma visão esclarecida sobre o assunto “mãe que trabalha”, eu sugiro que você também leia este texto aqui

 

Eu já contei aqui no Cuore Curioso que nós gostamos de fazer as festas de aniversário em casa.

Hoje vou descrever as atividades escolhidas para manter a criançada entretida na festa em que o Hilton completou oito anos de idade. Na verdade, há momentos em que parece não haver necessidade de se impor nada – justamente a falta de roteiro e a liberdade de fazerem o que gostam é o que importa. Eles irão correr loucamente de um lado para o outro, descobrir um saco de bexigas vazias e “fazer a festa”, ou qualquer outro passatempo ao sabor do momento.

Porém, é meio inevitável que, em grupos de crianças, em certas horas tenhamos polarização, um breve tédio, separação dos meninos das meninas, segregação dos mais tímidos, daquele amigo do endereço anterior que ninguém conhece, etc. Para isso, organizo gincanas que colocam todos em uma atividade comum.

A regras gerais foram:

  • A criança tem liberdade de escolher os jogos a participar. Algumas provas eram individuais, e outras em equipe.
  • As provas não eram seguidas, e se alternavam com pausas para as brincadeiras livres. Aí tem que entrar o bom-senso de quando aplicá-las.
  • A cada vitória, o participante ou cada membro da equipe receberiam um grão de feijão
  • O grão seria moeda de troca para brinquedos e lembrancinhas depois do parabéns. Quem acumulasse mais feijões, teria a preferência da escolha dos prêmios, sendo que alguns valiam um, dois ou três feijões.Um apito me ajudava a sinalizar os momentos das provas.Sempre, em todas as provas, havia um momento de treino, que já fazia o tempo render em brincadeiras e descobertas antes de iniciar o “pra valer”.

 

As provas foram:

Empilhamento de copos

Comprei trezentos copos descartáveis, de três cores diferentes. Três equipes tiveram 4 minutos para empilhá-los. A pilha mais alta foi a vencedora.

O que eu faria diferente: daria 3 minutos, pois neste tempo uma das equipes já havia terminado uma imensa torre, que o vento arrasou faltando 20 segundos para acabar o tempo total.

 

Gincana de conhecimentos gerais

brincadeiras aniversário em casa crianças
Nossa, mas que pergunta difícil, hein, papai?

Para não ficar só nas provas físicas ou de coordenação, uma disputa tipo “passa ou repassa” foi armada com um circuito de campainha (este foi feito pelo meu pai, eletricista). Para quem não tiver, dá para usar outros recursos, como a equipe arremessar uma bolinha numa cesta para ter direito a responder.

Exemplos de perguntas que fizeram parte, elaboradas pelo meu marido:

– No filme Mosters S.A, qual é nome do mostro que estava sempre assustando a “Boo” ?

a) Randall; b) Mike; c) Sulivan

– Quantas faces tem um cubo?

– Qual o nome do Oceano que banha o Brasil?

a) Atlântico b) Pacífico c) Índico

 

Salve suas bexigas

Cada participante terá duas bexigas amarradas nos tornozelos do pé não dominante.

brincadeiras aniversário em casa bexigas
Essa bexiga é minha e ninguém tasca!

O objetivo da prova é manter por mais tempo suas bexigas preservadas.

Depois do apito, cada um terá a missão de pisar no balão dos seus rivais, ao mesmo tempo que deverá cuidar das suas bexigas. Aqueles que ficarem sem nenhuma, não saem da prova, e devem ser incentivados a perseguirem as que ainda estão íntegras. É muita adrenalina!

O vencedor é o último a ficar sem bexiga.

Preste atenção que final é bem rápido.

 

Corrida com uma bolinha na testa

Dois parceiros têm que correr equilibrando uma bolinha posicionada entre a testa de ambos.

 

Montanha russa com bexiga d’água

brincadeiras aniversário em vcasa montanha tussa bexiga menino menina crianças
Pode deixar que eu pego essa bexiga!

A montanha russa é aquela prova em fila em que o participante da primeira posição passa um objeto por baixo de suas pernas afastadas a quem está atrás (sem se virar) e este pega o objeto e passa por cima de sua cabeça para quem está atrás, também sem se virar. Dali em diante se repete o movimento, até o circuito acabar.

brincadeiras aniversário em casa montanha russa bexiga papai crianças menino menina
Até o papai entrou na brincadeira 🙂

No caso para aumentar a dificuldade, o circuito teria que ser repetido três vezes e a fila andar, ou seja, o primeiro participante ia para o fim da fila. E a emoção extra era que o objeto era uma bexiga com água, que é mais difícil de segurar e, se cair no chão, pode estourar e desclassificar a equipe.

No caso, organizamos três equipes competidoras

brincadeira aniversário em casa montanha russa menino menina criança

 

Estação de artes

estação de artes crianças desenho brincadeiras aniversário em casa

Como todo ano sempre tem aqueles que não querem saber de gincana mesmo, providenciei uma mesa com recursos artísticos (sem monitor, somente o material). Não planejei, mas sempre algum pai ficava ali com a turminha.

Deixei disponível material para duas atividades:

– Massinhas de modelar tradicional e de pistola

– Limpadores de cachimbo com um livro de instruções

No fim das contas, concluí que foi o foco de atração das crianças mais novas, entre 4-6 anos.

O que faria diferente: forraria o chão. A massinha não manchou, mas secou e ficou difícil de limpar no dia seguinte.

 

 

Para registro, no ano anterior, as provas foram:

Corrida da batata (na colher). Atenção: uma criança pequena, que não era parte da prova copiou os maiorzinhos ao final, caiu com a colher na boca, o que custou à família dele ter que sair da festa para conferir que estava tudo bem no pronto-socorro.

Corrida com um pé amarrado no parceiro

Corrida com papelão: usar dois pedaços de papelão, único local que pode ser pisado. Um participante pula nos dois pedaços na ida, enquanto que seu par move o papelão no chão para a frente. Na volta, os papéis são trocados.

Corrida das cadeiras: aquela em que o número de cadeiras é n-1 (para quem não é das exatas: o número de participantes menos 1 😛 ) e vai sendo excluída cada vez que a música é interrompida

Estátua: um clássico.

Guerra de bexiga d’água: não requer maiores explicações, porém dependente de condições climáticas e principalmente, se estamos ou não em meio a uma crise hídrica, pois são as crianças as primeiras e lembrar-nos do compromisso com o meio ambiente.

 

Este ano me cansei um pouco mais, por pura falta de planejamento. A véspera do aniversário, que foi um sábado, foi completamente frenética buscando os materiais, pois não encontrei tudo num mesmo local.

Bom, nem preciso contar que as crianças adoraram! Claro que uma ou outra atividade encantou mais do que outra. A graça é mesclar atividades físicas com outras mais “intelectuais” para que possam explorar o melhor de si. E surpresas agradáveis acontecem, como ver aquele menino que joga sempre futebol agressivamente, todo feliz enroscando calmamente um limpador de cachimbo, ou ainda uma menina habitualmente quietinha correndo com uma bexiga na mão.

O último convidado foi embora às 22h00 do domingo e sair da cama na segunda-feira, algo pesado. Para compensar, as recordações deste dia já ficaram gravadas na memória e coração desta organização e dos pequenos, que já estão “se inscrevendo” para a gincana de férias, afinal, o próximo aniversário é muito longe!!!

 

 

 

Você também faz festas em casa e organiza gincanas? Conta para a gente que brincadeiras organiza com seus filhos – ou com seus amigos!

 

Gostou deste post e não quer perder mais nenhuma dica de como ter uma vida diferente aqui do Cuore Curioso? Então assine a nossa newsletter aqui abaixo – é fácil, grátis e indolor 🙂

Quer ganhar um ebook incrível com as ferramentas de desenvolvimento pessoal que usamos nas viagens?

Assine a nossa newsletter e receba por e-mail: o ebook é gratuito e está cheio de fotos inéditas!

Sem spam. Só coisa boa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *