RELAÇÃO À DISTÂNCIA – CARTAS PARA UM ROMPIMENTO

 

Oi, Loló
Oi
O que você tá fazendo?
Tô em casa
Quer vir aqui?
Melhor não
O que foi?
Estou bem aqui
Não parece
Pois estou
Você está estranha
Você acha?
Poxa, a cada vez mais estranha
Pois é, Cícero, eu sou assim
Cícero? Desde quando você me chama de Cícero?
Não é o seu nome?
Sim, mas você não me chama assim
Como você quer que eu te chame?
Ah… Lolô é tão melhor
Esquece esse Lolô
Mas você é a minha Loló
Esquece essa Loló
Por quê, Loló?
Por favor, não me chame assim
Tá bom, Fa. Como você quer que eu te chame agora
Não quero que você me chame de nada
Poxa, Loló, não pode ser assim…
Não me chama de Loló!
Tá bom. Eu disse que você estava estranha. O que aconteceu. Vou aí.
Não
Não quero que você venha
Não quero ver você
Me deixa em paz
Então ao menos me diz o que aconteceu
Eu não posso ficar apenas aqui vendo você me dar patada
Tá bom
Não quero mais
Como assim, não quer mais, Loló?
Dá para parar de me chamar de Loló?
Ai gente, essa conversa tá me irritando MUITO!
Cícero, não dá mais para a gente ficar junto.
??????????
Isso mesmo.
Aliás, se você for pensar, desde quando mesmo estamos juntos?
Como você me pergunta uma coisa dessas? Você sabe muito bem!
Não, não sei
Eu comprei o celular no dia 31 de agosto de 2006.
Estamos juntos há 8 anos, vai fazer 9 este ano.
Pois é, este é o problema.
8 anos e nunca te vi, Cícero
Mas, Loló, a gente se vê todo o tempo!
PARA COM ISSO
Se vê quando, Cícero?
Ué, ontem mesmo a gente namorou à noite
Mas Cícero, namorou como? Você por acaso estava aqui?
A gente namorou como sempre namora, uai
Sim, pelo Skipe
Eu não aguento mais
Chega para mim
No início até que dava, isso me deixava livre aqui em casa.
Eu pude ver minhas amigas quando quis, e até tive uns casinhos extras no começo, pois você nunca estava perto
O que você está me falando, Loló??????
Não acredito que você me traiu!!!!
Após todo este tempo juntos, como nunca me contou???!!!!
Larga mão desse Loló, Cícero!
E mais, você não soube porque não precisa saber.
Você nunca quis vir aqui, agora tá achando que é ruim eu ter tido pele a pele com outros?
O que esperava que eu fizesse?
Que te esperasse para o resto da vida, como uma Gata Borralheira esperando pelas benesses do seu amor?
Quantas vezes eu te chamei para vir aqui? Quantas vezes você me disse que viria, não veio, fiquei esperando?
Mas, Fa… eu sempre estive ao seu lado…
Eu achava que do jeito que estávamos era bom. Bom para mim, bom para você.
E, por que agora? Depois de 8 anos, por que agora?
Semana passada, ONTEM, a gente namorou!
Como você pode estar tão descontente hoje se ontem mesmo estava feliz comigo no Skipe?
Ah, Cícero, não dá mais
Não sei te responder isso, só sei que temos que terminar
8 anos em que eu queria você perto, mas também não queria
8 anos em que eu queria falar com você te tocar, te conhecer, mas não fiz
Mas, Fa, a gente se conhece tanto. Você é a única pessoa que sabe tudo de mim.
Você não sabe tudo de mim, Cícero
Como não sei, Loló?
Gente do céu, tem como você parar de me chamar de Loló?
Você não me conhece, simples.
Você nunca me viu. Você não sabe quem ou o que eu sou.
Fa, claro que eu sei. Eu vejo você todos os dias há 8 anos.
E você nunca viu nada?
Viu o que, Loló?
Gente, nem sei o que dizer mais.
Você nunca achou nada estranho, Cícero?
Não, eu te amor. Você está me deixando triste.
Nem me importo, você merece.
Como mereço?????
Depois de 8 anos, se imaginaria que você ao menos soubesse quem eu sou.
Quem é você, Fá?
Meu nome não é Fátima.
Não? Como assim? E os documentos que você mandou para a nossa União Estável?
Eram da minha irmã.
Você tá louca? Como manda os documentos da sua irmã para o nosso casamento?
União estável
Tá certo, como você manda os documentos da sua irmã para a nossa união estável? E agora? Eu estou casado com ela?
Não, ela morreu já
O quê???? Você me casou com uma defunta?
Não cria drama. Você tem união estável comigo
Gente, como vou explicar isso no clube? Eu tinha feito até a inscrição para você ano passado.
Mas, Cícero, quando eu iria usar o clube? Eu nunca fui aí
E só com o clube você se importa?
Claro que não, sei porque disse isso… minha cabeça está em parafuso.
Cícero, você não quer saber o meu nome?
Olha, nem sei mais o que estou falando. Quero, quero saber o seu nome.
Meu nome é Álvaro
….
Cícero, não vai dizer nada?
Não sei o que dizer
Cícero, fala alguma coisa
Acontece que o meu nome é Paloma.

 

Quer ganhar um ebook incrível com as ferramentas de desenvolvimento pessoal que usamos nas viagens?

Assine a nossa newsletter e receba por e-mail: o ebook é gratuito e está cheio de fotos inéditas!

Sem spam. Só coisa boa.

Um comentário sobre “RELAÇÃO À DISTÂNCIA – CARTAS PARA UM ROMPIMENTO

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *