CURADORIA CUORE CURIOSO – DIA 26

Esta é a nossa Curadoria de páginas que estão produzindo material bacana e curioso, sobre todos os assuntos. Ela sai aos domingos pela manhã, com uma seleção nova a cada semana. Eu te sugiro não apenas abrir o link fornecido, mas navegar pelas páginas e descobrir um maravilhoso mundo novo.

Eu sou apaixonada pela história Segunda Guerra Mundial, mas conheço muito pouco da Primeira Guerra. Por isso, descobrir a exposição virtual da Biblioteca Nacional “Guerra: ó dor, ó vergonha!” foi um prazer. É muito interessante ver como os temas atuais sempre estiveram presentes na crítica mundial – e como se fazia jornalismo e humor em meio àquela barbárie.

Por exemplo, àquela época já se criticava a Paz Armada – o conceito de que os países deveriam garantir a sua Paz através do armamento. Para que ela realmente servia? Para entrar em Guerra e acabar com a Paz!

Paz Armada
A Europa somente à espera de uma briga de vizinhos para entrar em combate…

Não me parece nada diferente da posterior Guerra Fria… mais uma vez, lembrando Mark Twain: a história rima

E como se retratava uma guerra sem fotografias? Com desenhos, claro!

A invasão alemã na Bélgica
A guerra parece bem mais heroica assim…

Falando em desenhos, veja que bacana o site Weavesilk: criei o desenho abaixo nele e já estou me sentindo uma ultra designer (não, somente não).

Jurando que sabe tudo de desenho :-)
Jurando que sabe tudo de desenho 🙂

O Weavesilk é uma ferramenta bem intuitiva de “arte generativa interativa” – e dá para baixar o aplicativo no iPhone. Nessas épocas de livros de pintura, que tal colaborar um pouco com a Mãe Natureza e fazer seus desenhos online?

Depois você compartilha as obras comigo na página do Facebook, vou adorar!

Quer ganhar um ebook incrível com as ferramentas de desenvolvimento pessoal que usamos nas viagens?

Assine a nossa newsletter e receba por e-mail: o ebook é gratuito e está cheio de fotos inéditas!

Sem spam. Só coisa boa.

Um comentário sobre “CURADORIA CUORE CURIOSO – DIA 26

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *